Château Suduiraut releases a new range of dry white wines

AXA Millésimes’ Managing Director Christian Seely and Château Suduiraut’s Technical Director Pierre Montégut announce a major development in the long-term strategy of Suduiraut  with the unveiling of a new range of dry white wines. The 2020 Château Suduiraut Vieilles Vignes Grand Vin Blanc Sec and the 2020 Château Suduiraut Pur Sémillon Grand Vin Blanc Sec are the first releases of these new wines. Names and packaging have been developed in harmony with those of the Grand Vin Sauternes of Suduiraut. 

Christian Seely comments: 

“Since the launch of our first S de Suduiraut in 2004, we have been discovering the full potential of the 1er Cru Sauternes terroir of Château Suduiraut for producing high quality dry white wines of individual personality.  

We feel today that the time is right for a strategic reorientation of our wine production at Château Suduiraut, to reflect this potential. 

We are therefore launching three new dry white wine labels from Château Suduiraut, which replace what has gone before and will be the basis for the future. 

Of course, the production of great vin liquoreux of the highest quality will remain the same priority as it has always been at Château Suduiraut. The Grand Vin Château Suduiraut Sauternes will continue to be made from the strictest selection of the finest botrytised grapes from old vines at the heart of the Suduiraut vineyard. Quantities produced are likely to be even lower than they have been in recent years, always in the pursuit of the highest quality, which we believe to be key to the future of great Sauternes.  

But we also believe that the production of highly individual dry whites of the finest quality to be a vital element in the future of Château Suduiraut, and this is why we are launching the following wines today: 

Château Suduiraut Vieilles Vignes Grand Vin Blanc Sec 

Château Suduiraut Pur Sémillon Grand Vin Blanc Sec 

Lions de Suduiraut Bordeaux Blanc Sec 

The launch of these wines is accompanied by a significant investment in the production facilities at Château Suduiraut to give us the ideal conditions in which to elaborate these wines as their volumes increase in the years to come.”

This revision of the range is accompanied by several changes: 

Blanc Sec de Suduiraut becomes Lions de Suduiraut Bordeaux Blanc Sec 

Conceived in 2015, this dry white wine with a generous, fresh, and fruit-driven style is crafted from a specific terroir in the vineyard with fine, sandy gravel deposits, where the vines are on average 20 years old. These are the same plots that produce the Château’s second liquoreux wine, Lions de Suduiraut Sauternes. It is therefore entirely logical that Blanc Sec de Suduiraut should change its name to become Lions de Suduiraut  Bordeaux Blanc Sec. The Lions de Suduiraut range now comes in two versions, a dry and a sweet, both with a unique style and personality: generous, bright, fresh and more rapidly accessible when young than the great wines.  

The first vintage, Lions de Suduiraut Bordeaux Blanc Sec 2021, bottled on 24 February 2022, is already available on the market.  

Château Suduiraut Vieilles Vignes Grand Vin Blanc Sec and Château Suduiraut Pur Sémillon  Grand Vin Blanc Sec were created in 2020. 

Crafted in small quantities from a terroir ranked as a Sauternes Premier Cru in 1855, Château Suduiraut  Vieilles Vignes Grand Vin Blanc Sec was created in 2020. This blend, mainly Sémillon rounded off with Sauvignon Blanc, results from a strict selection of the best batches from our old vines, whose average age is 45 years, planted on a terroir made up of coarse gravel.  

Christian Seely and Pierre Montégut have also created a 100% Sémillon wine, Château Suduiraut Pur  Sémillon Grand Vin Blanc Sec. You will soon be able to discover this exceptional single-variety cuvée produced in 2020. 

Château Suduiraut Vieilles Vignes Grand Vin Blanc Sec 2020 and Château Suduiraut Pur Sémillon Grand Vin Blanc Sec 2020 will become available on the market during 2022. 

Discover the video presenting the new labels for the range:  Here

Website : Château Suduiraut

Website: Discover LIONS DE SUDUIRAUT

Golden Age é o novo membro da família Taylor’s, o vinho do Porto perfeito para celebrar a idade de ouro.

Taylor’s Golden Age Tawny 50 Anos

A Taylor’s anuncia o lançamento do Golden Age, o Very Old Tawny 50 Anos, um extraordinário vinho do Porto que envelheceu meio século em velhos cascos de carvalho e atingiu a idade de ouro. Finamente constituído e maravilhosamente equilibrado, encontra-se em perfeitas condições de elegância, complexidade e esplendor sendo, por isso, indispensável numa celebração de 50 anos.

“Desde que, há uma década, lançámos os Taylor’s Single Harvest com 50 anos, temos assistido ao crescente interesse por vinhos excepcionais com meio século.”, refere Adrian Bridge, Director Geral da Taylor’s, e acrescenta: “Estamos muito entusiasmados com o lançamento do Taylor’s Golden Age, um vinho maravilhoso, que é o presente perfeito para uma pessoa ou ocasião especial, pelo prazer que vai proporcionar quando for bebido.”

As caves Taylor’s são autênticas catedrais do vinho, construídas há vários séculos fornecem as condições ideais para o longo e suave envelhecimento do vinho do Porto. Com grossas paredes de granito e tectos muito altos conservam uma temperatura baixa e constante ao longo do ano. Muito importante é também a proximidade das caves ao rio Douro e ao oceano Atlântico, que fornecem a humidade necessária a um bom envelhecimento, pois limitam a evaporação.

Para David Guimaraens, enólogo da Taylor’s: “É nos tawnies que um provador de vinho do Porto demonstra a sua mestria na arte do lote.” E revela: “Para construir um Tawny de 50 anos partimos de componentes de vinhos velhos, que foram deixados – pelo menos – pela geração que nos antecedeu, mas também temos a grande responsabilidade de deixar os vinhos base para as gerações que nos seguirão. Convido-o a celebrar este novo membro da nossa família com o Taylor’s Golden Age Tawny 50 Anos, que se destaca pela sua extraordinária qualidade e complexidade.”

O longo envelhecimento em madeira confere a característica cor âmbar, um nariz cheio de complexos e ricos aromas e sabores suaves e maduros. Extraído das magníficas reservas de vinhos do Porto que a Taylor’s pacientemente e magistralmente envelhece nas suas caves, este vinho é um monumento ao tempo e à arte do envelhecimento em madeira.

O Taylor’s Golden Age está pronto a ser consumido, recomendando-se que a temperatura de serviço esteja entre os 12 e os 16ºC. É apresentado na clássica garrafa fosca associada aos famosos tawnies de idade da Taylor’s e acondicionado numa elegante caixa de carvalho. Estará disponível nas melhores garrafeiras do país no final de Março, com o preço recomendado de 250€.

Notas de prova

Núcleo castanho, acobreado com um fino bordo dourado. Os aromas primários são elegantes, ricos e muito delicados. Notas de rum e passas, cravo, noz-moscada e apontamentos de pimenta preta moída. Ameixas, marmelos e damascos dançam em seu palato enquanto raspas de casca de limão e laranja proporcionam uma fresca acidez que equilibra a riqueza do vinho.

Notas de abacaxi braseado, maracujá e líchia equilibram-se maravilhosamente com o coco torrado, amêndoas e manteiga de caramelo. A textura e o corpo do vinho envolvem o paladar e o final é fresco e muito equilibrado. O fim de boca parece eterno tentando-o para mais.

Website : Taylor’s

Website: Taylor’s Golden Age Tawny 50 Anos

Fonseca Guimaraens Porto Vintage 2015

Fonseca Guimaraens Porto Vintage 2015

Vinho com uma cor límpida, brilhante, cor purpura, opaca, bordo roxo, intensidade profunda, nariz limpo sem defeitos, aroma com uma intensidade média, aromas primários, frescos, frutos silvestres pretos e vermelhos, amoras, mirtilos, especiaria, chocolate preto, ligeiras notas de ervas aromáticas, menta e esteva.

Na boca é um vinho doce, com acidez média (+), taninos potentes, que secam a boca no final, álcool alto (20,0º), corpo cheio, intenso, frutos silvestres, chocolate preto, carnudo, com um final longo e grande persistência.

É um vinho de qualidade excelente, muito elegante, frutado, pureza de fruta, cheio de frescura, potente, amplo, envolvente, que dá um prazer enorme. Esta secura final do vinho, combinou na perfeição com um queijo Roquefort, formando um conjunto harmonioso e viciante.


Castas: Porto Blend
Região: Douro


A minha nota pessoal: FB 94

Excelência: 96-100
Excepcional: 90-95
Bom/Muito Bom: 80-89
Mediano: 70-79
Pobre: 60-69
Não aceitável: 50-59


Website: Fonseca

Website: Fonseca Guimaraens Porto Vintage 2015

Preços: Fonseca Guimaraens Porto Vintage 2015

Ramos Pinto Porto Tawny 30 Anos

Ramos Pinto Porto Tawny 30 Anos

Vinho com uma cor límpida, brilhante, cor âmbar, bordo esverdeado, intensidade média, nariz limpo sem defeitos, aroma com uma intensidade pronunciada, muito complexo, frutos secos, nozes, amêndoas, balsâmico, madeiras, cedro, especiarias, canela, baunilha, café e charuto.

Na boca é um vinho doce, com acidez alta, álcool alto (20,5º), corpo cheio, sabor intenso, poderoso, frutos secos, café, tostados, especiaria, sedoso, com um final muito longo e grande persistência.

É um vinho de qualidade excelente, muito complexo, rico, elegante, opulento, concentrado, aveludado, com uma frescura fabulosa, viciante, que dá um prazer enorme, cheio de emoções. Acompanhei com um bolo inglês, cheio de nozes e frutas cristalizadas, que harmonizou na perfeição.


Castas: Vinhas Velhas
Região: Douro


A minha nota pessoal: FB 96

Excelência: 96-100
Excepcional: 90-95
Bom/Muito Bom: 80-89
Mediano: 70-79
Pobre: 60-69
Não aceitável: 50-59


Website: Ramos Pinto
Website: Ramos Pinto Porto Tawny 30 Anos

Preços: Ramos Pinto Porto Tawny 30 Anos

Medalha de Ouro para Vinho da Adega do Montado

MEDALHA DE OURO PARA A ADEGA DO MONTADO 

O vinho Monte das Bagas de Ouro Tinto 2020, produzido e comercializado pela Adega do Montado, foi distinguido com uma medalha de Ouro na edição 2022 do prestigiado Concurso Internacional Mundus Vini. Na edição deste ano foram a concurso cerca de 10.000 referências de vinhos de todo o Mundo, sendo que apenas 40% das mesmas foram distinguidas. 

O Monte das Bagas de Ouro Tinto é uma delas!

Monte das Bagas de Ouro Tinto 2020

E MAIS UMA MEDALHA DE PRATA 

O vinho Monte das Bagas de Ouro Reserva Tinto 2019, lançado há pouco mais de 2 meses no mercado, foi distinguido com uma medalha de Prata no Concurso Mundus Vini deste ano. 

Monte das Bagas de Ouro Reserva Tinto 2019

Esta não é a primeira vez que a Adega do Montado é distinguida neste Concurso anual que se realiza na Alemanha. Também o nosso Monte das Bagas de Ouro Branco já tinha recebido uma medalha atribuída no certame.

A ADEGA DO MONTADO 

É uma empresa familiar situada em pleno Baixo Alentejo, no Concelho de Serpa, Freguesia de Briches.  Nasceu de um sonho de um dos sócios fundadores: plantar uma vinha e construir uma Adega para produzir o nosso próprio vinho. 

E-mail: adegadomontado@gmail.com 

Website: www.adegadomontado.pt

Dona Matilde Reserva Branco 2019

Dona Matilde Reserva Branco 2019

Vinho com uma cor límpida, brilhante, amarela palha, intensidade média, nariz limpo sem defeitos, aroma com uma intensidade média (+), complexo, frutas tropicais, manga e ananas, citrino, anisado e ligeiro fumado.

Na boca é um vinho seco, com acidez média (+), intensa, elegante, álcool médio (13,5º), corpo médio (+), sedoso, envolvente, final longo e muito boa persistência.

É um vinho de qualidade excelente, com aromas de frutas tropicais, citrino, frescura, equilibrado, aveludado, muito elegante, saboroso pelo que que dá muito prazer beber. Harmonizou muito bem com uns pastéis de bacalhau, acompanhados com um arroz de grelos.


Castas: Arinto, Viosinho, Rabigato e Gouveio
Região: Douro


A minha nota pessoal: FB 90

Excelência: 96-100
Excepcional: 90-95
Bom/Muito Bom: 80-89
Mediano: 70-79
Pobre: 60-69
Não aceitável: 50-59


Website: Dona Matilde

Website: Dona Matilde Reserva Branco 2019

Taylor’s lança Very Very Old Tawny Port para comemorar o jubileu de platina da rainha Isabel II

Um vinho sublime para celebrar um extraordinário reinado.

No dia 6 de Fevereiro de 2022, Isabel II tornou-se a primeira monarca britânica a celebrar um jubileu de platina, marcando 70 anos de serviço ao povo do Reino Unido e à Commonwealth.

“Para celebrar este aniversário sem precedentes, a Taylor’s, detentora do alvará real de fornecedor de Vinho do Porto a HM Queen Elizabeth II, decidiu engarrafar o Taylor’s Very Very Old Tawny Port. Este excepcional vinho do Porto é elaborado a partir dos melhores vinhos das nossas extensas reservas de vinhos velhos, que têm estado a envelhecer em cascos de carvalho, desde que a rainha sucedeu ao trono, atestando silenciosamente o extraordinário reinado de Isabel II como a monarca com o reinado mais longo da história britânica.” afirmou Adrian Bridge, Director Geral da Taylor’s, e acrescentou: “Estamos muito satisfeitos por nos associarmos a uma comemoração tão excepcional com o lançamento de um vinho do Porto único. Este é o vinho perfeito para fazer um brinde à rainha Isabel II.”

Os vinhos seleccionados para o lote desta edição limitada foram escolhidos individualmente e lotados pelos provadores da Taylor’s. A atenção ao detalhe é exibida no paladar deste vinho extraordinário, onde aromas de anis, maçapão, marmelo e subtis notas de caramelo, se sobrepõem com um refinamento surpreendente e uma acidez muito equilibrada. As décadas de envelhecimento em madeira concentraram este vinho quase a uma essência, produzindo aromas intensos e complexos de nozes e especiarias, evidenciados por uma acidez crocante que confere ao vinho uma frescura atraente.

O pioneirismo da Taylor’s e a total dedicação aos mais altos padrões de qualidade do Vinho do Porto estão condensados neste vinho, que combina elegância e equilíbrio, bem como poder subtil e persistência. Que melhor forma de celebrar o jubileu de platina de Isabel II do que com um notável vinho do Porto Taylor’s.

O Taylor’s Very Very Old Tawny Port Platinum Jubilee é apresentado na clássica garrafa fosca dos tawnies de idade da Taylor’s, numa elegante caixa de madeira de faia. Esta edição limitada de 2.000 garrafas vai estar disponível na loja das Caves Taylor’s a durante o mês de Março, com o PVP de 490€.

Notas de prova

Cor mogno vivo com bordo ocre claro. Nariz opulento e inebriante envolto de notas de caixa de charutos, café torrado, pétalas de rosa prensadas e um toque de gengibre. Apresenta um bouquet intenso de mel de urze com algum couro chamuscado, notas de carvalho fino, cinco especiarias e figos. Maravilhosa estrutura aromática que envolve o nariz, seduzindo-nos desde o primeiro gole.

No palato apresenta uma concentração maravilhosa e uma acidez brilhante e atrevida. Notas de anis, maçapão, marmelo, casca de laranja cristalizada, melaço, cardamomo e um toque subtil de caramelo. A sinfonia de sabores que desperta os nossos sentidos é precisa, em equilíbrio e sedução. Um surpreendentemente refinado e bem construído Tawny. Perfeito para celebrar o Jubileu de Platina da Rainha Isabel II.

As Caves Taylor’s:

As caves Taylor’s são autênticas ‘catedrais do vinho’, construídas há vários séculos fornecem as condições ideais para o longo e suave envelhecimento do vinho do Porto. Com grossas paredes de granito e tectos muito altos conservam uma temperatura baixa e constante ao longo do ano. Muito importante é também a proximidade das caves ao rio Douro e ao oceano Atlântico, que fornecem a humidade necessária a um bom envelhecimento, pois limitam a evaporação. Esta evaporação, essencial ao excelente envelhecimento dos Tawnies, permite o desenvolvimento de um fungo preto sobre as telhas das caves, responsável pela característica cor escura dos telhados das caves do vinho do Porto.

A Taylor’s:

A Taylor’s é uma das primeiras e históricas casas de vinho do Porto, tendo sido estabelecida em 1692. Empresa familiar desde a sua fundação dedica-se exclusivamente à produção de vinhos do Porto de grande qualidade, desde o plantio da vinha e cultivo das uvas à elaboração, envelhecimento e engarrafamento dos lotes de vinhos. O compromisso da família com o futuro do vinho do Porto é também demonstrado na sua determinação em preservar o ambiente único da região do Douro, através da promoção de uma viticultura sustentável, nas suas dimensões ambiental, social e económica. A empresa é sobretudo conhecida pelos seus elegantes e longevos vinhos do Porto Vintages, que estão entre os mais reconhecidos, procurados e coleccionáveis, provenientes da emblemática Quinta de Vargellas e das Quintas da Terra Feita e Junco.  A casa foi a criadora do LBV (Late Bottled Vintage), um estilo no qual a empresa foi pioneira e do qual continua a ser o principal produtor, tendo ainda sido pioneira no lançamento do Chip Dry, o primeiro Porto Branco Seco e no lançamento do primeiro Vintage Single Quinta. A Taylor’s é também reconhecida como o mais importante produtor de Tawnies de Idade e possui uma das mais extensas reservas de vinhos do Porto envelhecidos em casco.

Mais informações em Taylor’s Very Very Old Tawny Port

S. Valentim: celebre com Quinta do Pessegueiro  Porto Branco Leve Seco 

A Quinta do Pessegueiro, um projeto incontornável da Região Demarcada do Douro, em  Ervedosa do Douro, São João da Pesqueira, apresenta a sua sugestão para o dia mais  romântico do ano – o Dia de São Valentim: o Porto Branco Leve Seco

As uvas deste vinho Quinta do Pessegueiro Porto Branco Leve Seco provêm de várias  parcelas entre os 200 m e os 550 m de altitude. A casta predominante é o Viosinho. O  vinho estagiou em pipas antigas de 600L de castanho, durante, pelo menos, 3 anos.  Durante o seu envelhecimento até à garrafa, este vinho não sofreu qualquer tipo de  filtração ou outro tipo de tratamento. 

Este é um vinho do Porto que apresenta cor palha com aromas de laranja e toranja. É muito fresco e ideal para brindar no Dia de São Valentim com uma pessoa especial.  

Quinta do Pessegueiro Porto Branco Leve Seco  

PVP Garrafa 500ml: 14,90€


Website: Quinta do Pessegueiro

Montaria Tinto Escolha do Ano 2017

Montaria Tinto Escolha do Ano 2017

Vinho com uma cor límpida, cor rubi, intensidade pronunciada, nariz limpo sem defeitos. Aroma com uma intensidade média (+), aromas primários, frutado, frutos pretos, ameixa e cereja preta, floral, alecrim, menta, esteva, especiaria, pimentas e chocolate.

Na boca é um vinho seco, com acidez média, taninos médios, muito suaves, elegantes, álcool médio (+) (14,0º), corpo médio, amplo, intensidade média (+), frutado, apimentado, com um final médio (+) e boa persistência.

Cozido à Portuguesa

É um vinho com uma qualidade muito boa, muito perfumado e balsâmico, fruta preta e especiaria, envolvente e suave na boca. Está no momento certo para ser bebido, com tudo em equilíbrio. Acompanhou maravilhosamente um cozido à Portuguesa.


Castas: Petite Syrah (100%)
Região: Alentejo


A minha nota pessoal: FB 90

Excelência: 96-100
Excepcional: 90-95
Bom/Muito Bom: 80-89
Mediano: 70-79
Pobre: 60-69
Não aceitável: 50-59


Onde comprar: Portugal Vineyards

This image has an empty alt attribute; its file name is image001-1.png

Parras Wines: Parras Wines
Ficha Técnica: Montaria Tinto Escolha do Ano 2017

Preços: Portugal Vineyards

Quinta da Caldeirinha Tinto Syrah 2013

Quinta da Caldeirinha Tinto Syrah 2013

Vinho com uma cor límpida, cor rubi, tons de granada, intensidade média, nariz limpo sem defeitos. Aroma com uma intensidade média (+), aromas primários, frutado, frutos silvestres, cereja, floral, violeta ou rosa, herbáceo, ligeira azeitona, especiaria, noz moscada.

Na boca é um vinho seco, com acidez média, taninos médios, muito suaves, elegantes, persistentes, álcool médio (14,0º), corpo médio, amplo, intensidade média(+), frutado, especiado, apimentado, noz moscada e pimenta, com um final médio (+) e muito boa persistência.

É um vinho com uma qualidade muito boa, com muita elegância e equilíbrio, suavidade e frescura, fruta requintada, e muita especiaria. Está no ponto ótimo para ser bebido, com tudo em perfeita ligação e harmonia.


Castas : Syrah (100%)
Região: Beira Interior


A minha nota pessoal: FB 90

Excelência: 96-100
Excepcional: 90-95
Bom/Muito Bom: 80-89
Mediano: 70-79
Pobre: 60-69
Não aceitável: 50-59


Onde comprar : Portugal Vineyards

This image has an empty alt attribute; its file name is image001-1.png

Website : Quinta da Caldeirinha
Website : Quinta da Caldeirinha Tinto Syrah 2013

Preços: Quinta da Caldeirinha Tinto Syrah 2013

%d bloggers like this: