Dia 19 de Março, a CVIP PicoWines propõe um brinde ao melhor pai do mundo

Nunca é cedo para começar a planear o Dia do Pai. Afinal, esta é a data deles. O momento ideal para oferecer uma lembrança àquele que acompanha todas as nossas aventuras desde a infância, um mimo que torne este dia diferente de todos os outros. Mas escolher o presente certo para alguém tão especial pode revelar-se um grande desafio.

Para ajudar os filhos a surpreender o melhor pai do mundo, a Cooperativa Vitivinícola da Ilha do Pico, propõe um brinde com os vinhos Terras de Lava Reserva 2017, Arinto dos Açores ou o Licoroso 10 Anos.

Vinho de cor granada com nuances violáceas, conhecido como “o vinho esculpido na pedra pela mão do tempo”, o Terras de Lava Reserva caracteriza-se pelo seu aroma vinoso intenso a frutos vermelhos maduros, com leves notas a chocolate. Após a fermentação, este vinho estagiou durante 14 meses, grande parte em barricas de carvalho francês e o restante em barricas de carvalho português. O resultado é um vinho de cor rubi, com um aroma de ameixas pretas, mentol, chocolate preto e especiarias. O preço de venda recomendado é de 17,50€.

Arinto dos Açores 2017

Já o vinho Arinto dos Açores marca pelo seu aroma apelativo, com notas discretas de frutos tropicais frescos, com ligeiras nuances do balseiro, onde fermentou e estagiou, e um agradável enxofre vulcânico. Na boca tem uma acidez refrescante e mineralidade, um volume muito envolvente e persistente. O preço de venda recomendado é de 19,90€.

Vinho Licoroso Meio Doce do Pico 10 anos

O Vinho Licoroso Meio Doce do Pico é o primeiro “10 anos” dos Açores. Um vinho cor de ouro e laivos esverdeados, de aroma de citrinos maduros, laranja amarga, mel e amêndoas, num conjunto iodado, produzido a partir de vários lotes de Verdelho. Na boca é texturado mas macio, com uma doçura equilibrada por uma acidez surpreendente, uma característica comum aos grandes vinhos dos Açores. O preço de venda recomendado deste vinho é de 42,50€.

Esta trilogia é a proposta da CVIP para assinalar o dia que homenageia a todas as figuras paternas, que dedicam as suas vidas a tornar as nossas mais especiais. Uma oportunidade para fazer um brinde com quem mais gosta, acompanhado com aquele prato que o pai tanto aprecia.

Informações Gerais:

Cooperativa Vitivinícola da Ilha do Pico

Morada: Avenida Padre Nunes da Rosa 29, 9950-302 Madalena

Horário: Segunda-feira a Sexta-feira – 09h00–17h00    

Telefone: 292 622 262

Website : www.picowines.net

PLASTIC FREE CERTIFICATION CHEGA A PORTUGAL E IMPULSIONA ONDA SUSTENTÁVEL NO MUNDO DA RESTAURAÇÃO

A certificação Plastic Free Certification surge da ambição do chef argentino Mauro Colagreco, de reduzir a utilização de plástico no restaurante Mirazur, o seu restaurante em Menton, França, que em 2019 conquistou a terceira estrela Michelin, o mesmo ano em que chegou ao primeiro lugar do ranking The World’s 50 Best Restaurants.

Nesta procura por uma forma eficaz de reduzir e eliminar plástico na gestão diária do seu restaurante, Colagreco alocou um recurso da sua equipa a esta busca exaustiva – junto de especialistas e ambientalistas -, por substitutos do plástico. Assim se deu o início da redução ou eliminação de plásticos, e da implementação de alternativas sustentáveis no Mirazur. Para dar corpo a este projecto, a equipa que o desenvolveu conjugou esforços para tornar real este desejo do chef do Mirazur, e criou uma startup, à qual a Chefs Agency se associa como empresa parceira de comunicação e representação para a certificação Plastic Free Certification em Portugal, Espanha e Brasil.

“Estamos muito entusiasmadas em dar continuidade a este projeto iniciado pelo Mauro, e que efectivamente vem sistematizar os processos necessários para uma mudança nesta área. Acreditamos genuinamente que através da gastronomia é possível promover alternativas sustentáveis.” – afirma Patrícia Dias, diretora da Chefs Agency.

A partir do exemplo de Mauro Colagreco, é agora mais fácil mostrar ao mundo que esta criação de processos e implementação de alternativas são um caminho para tornar uma organização sustentável, ecologicamente responsável, uma organização plastic free. No case study do Mirazur, o primeiro restaurante do mundo com a certificação Plastic Free Certification, é possível entender que o objetivo do chef consegue chegar mais além do que o seu próprio projeto, muito para lá das portas do seu restaurante, uma vez que ao adoptar medidas ecologicamente responsáveis, está automaticamente a influenciar, em cadeia, todos os seus fornecedores a fazê-lo também, para que possam continuar a trabalhar com o nº1 do ranking The World’s 50 Best Restaurants. E a ideia é mesmo essa, que cada empresa que dê este passo, provoque a mudança à sua volta, nos setores adjacentes à sua área de atuação, o que poderá fazer uma grande diferença na vida das organizações, na vida das pessoas, e na vida do planeta.

Depois do Mirazur, em França, ter sido o primeiro restaurante do mundo a obter a Plastic Free Certification, o tempo é de ‘espalhar a mensagem’ e chegar a outros países. Em Portugal, Espanha e Brasil, a Chefs Agency está a desenvolver este projeto para angariar, informar e ajudar seguidores desta tendência mundial, a adoptarem novas medidas sustentáveis, e a impulsionarem esta mudança em cadeia. Para que este efeito venha a ser uma realidade, houve uma grande preocupação em sistematizar um modelo acessível, para que qualquer restaurante ou empresa sensível a esta causa possa acionar o processo de forma simples.

Após uma tomada de consciência por parte da empresa a certificar, o primeiro contacto poderá ser feito facilmente por telefone (211 327 797) ou por email (info@chefsagency.net) ou através do site (https://www.plasticfreecertification.pt). De seguida, será enviado um formulário pela Plastic Free Cerification, no qual será solicitada informação sobre a organização, como número de colaboradores, instalações adicionais, entre outras características da empresa para, a partir daí, a avaliação de certificação ser orçamentada de acordo a dimensão e especificidades da organização. Numa fase seguinte, após aprovação do orçamento e assinatura de um acordo de confidencialidade, os responsáveis pela entidade a certificar terão o apoio e acompanhamento do research center da Plastic Free Certification, que poderá facultar informação sobre materiais e linhas gerais de orientação, bem como partilhar boas práticas, com vista a potenciar o melhor nível de certificação possível (classificado de A a E). Como etapa final, é marcada uma inspeção com um auditor independente, certificado pela União Europeia, que irá recolher os dados necessários para um comité interno de avaliação finalizar o processo com a atribuição da classificação, certificando a empresa.

Posteriormente, a curto/médio prazo, a organização pode, e deve, definir e pôr em prática um plano de redução de plásticos, para que anualmente possa renovar a sua certificação, e melhorar a sua classificação, repetindo o processo junto da Plastic Free Certification.

Online: https://www.plasticfreecertification.org/

Paixão Pelo Vinho Awards Wine Party

No dia 7 de março, Lisboa recebe uma festa vínica que não vai querer perder!

Já vai para a terceira edição e, este ano, tem uma nova localização: a festa Paixão pelo Vinho Awards Wine Party realiza-se no dia 7 de março, no Hotel Vila Galé Ópera, junto às Docas, em Lisboa. O evento reúne uma seleção fabulosa de vinhos, premiados com “Prestígio”, Excelência” e “Escolha”. Juntam-se produtores e enólogos, mais de 200 referências em prova, uma deliciosa carta de petiscos, música e outras surpresas. Esta festa vínica, aberta ao público, celebra a vida com os melhores: os melhores vinhos e os melhores apreciadores, juntos, das 17 às 23 horas.

É já no dia 7 de março, das 17 às 23 horas, que se realiza a terceira edição do evento Paixão pelo Vinho Awards Wine Party. Este ano a festa vínica que premeia e celebra o melhor do mundo dos vinhos, conta com um novo palco, nas Docas, ali mesmo junto ao rio Tejo: o Hotel Vila Galé Ópera, em Lisboa.

A festa, organizada pela revista Paixão Pelo Vinho, é aberta ao público e conta reunir mais de mil apreciadores de vinhos e espumantes, tendo em prova mais de 200 referências de todas as regiões e de empresas produtoras de vinhos excecionais, como disso são bons exemplos: o espumante e os novíssimos vinhos da gama Raríssimo By Osvaldo Amado; Proibido, Permitido e Pequenos Rebentos branco Reserva Vinhas Velhas; Costa Boal Homenagem tinto e Palácio dos Távoras Gold Edition tinto; Terrantez do Pico; Marquês de Marialva Edição Especial 65 Anos Garrafeira Baga 2001; Santa Vitória Grande Reserva tinto; Casa Capitão-Mor Alvarinho; Busto Grande Escolha branco e tinto; Bridão Private Collection tinto; Mamoré de Borba tinto Grande Reserva; Monte da Capela 18 Anos tinto Grande reserva; Quinta da Gricha Talhão 8 Touriga Nacional; Adega de Favaios Moscatel 1989; Scala Coeli; Sexy Cuvée tinto Grande Reserva; Quinta do Gradil Alvarinho; Quinta de S. Baptista Grande Reserva da Enoport Wines; entre tantos outros fabulosos vinhos, premiados com “Prestígio”, “Excelência” e “Escolha” pela revista Paixão Pelo Vinho durante o ano 2019. A entrega de prémios acontece nesse dia, às 17:30h, e todos podem assistir e aplaudir!

Em paralelo realiza-se o ciclo de “Conversas com os Enólogos”, prova de vinhos especiais com a apresentação pelos seus criadores, os enólogos, de acesso livre, mas condicionado a 24 participantes por sessão. Será uma verdadeira viagem pelos cinco sentidos, que começa às 18h30 e acaba às 23h00. Não vai faltar a música, que está a cargo do DJ André Vieira. A carta de petiscos também é uma verdadeira tentação, destacamos: wraps de salmão fumado da Noruega e de frango do campo; tábuas de queijos e de charcutaria tradicional portuguesa; quatro opções Pan Pizza do Vila Galé, pizzas famosas pelas originais receitas; tartelete de espinafres e fiambre; deliciosas bifanas de Lisboa; bolo de chocolate; sem esquecer opções vegetarianas e light… difícil mesmo será escolher!

Os bilhetes estão disponíveis em mais de 500 pontos de venda a nível nacional, como lojas Fnac ou Worten, em www.ticketline.sapo.pt e www.feverup.com, bem como no telemóvel através da APP Fever. Se comprar o bilhete até ao final do dia 6 de março vai pagar menos 5€! No dia da festa o valor do bilhete será de 15€, sempre com oferta do copo e acesso a todo o programa.

A festa vínica promete ser uma experiência inesquecível! E se não mora em Lisboa ou arredores, então fique a saber que oHotel Vila Galé Ópera está junto ao Centro de Congressos de Lisboa, à movimentada zona das Docas e a apenas a cinco minutos das maiores atrações turísticas de Lisboa, como a Torre de Belém, o Museu dos Coches, o Mosteiro dos Jerónimos ou o Padrão dos Descobrimentos, sendo a oportunidade perfeita para programar um fim de semana na capital.

Website : Paixão pelo Vinho

Taylor’s Port em Lisboa promove prova harmonizada de vinho do Porto e chocolate

O convite é tão irresistível quanto soa: no dia 13 de março, a sala de provas da Taylor’s Port em Lisboa promove uma experiência de degustação que convida a encontrar a combinação perfeita entre cada categoria de vinho do Porto e os fine chocolate da portuguesa Annobon.   

Taylor’s Port em Lisboa

A ligação do vinho do Porto ao chocolate é muito mais estreita do que apenas a sua inegável combinação. O terroir, as variedades e o ano de colheita são determinantes na produção destes dois produtos apreciados em todo o mundo e que requerem tanta arte em produzir como em degustar.

A Taylor’s Port em Lisboa, morada de uma das mais antigas e prestigiadas casas de vinho do Porto na capital, promove, no dia 13 de Março, uma prova harmonizada de vinho do Porto e chocolates, em associação com a marca portuguesa Annobon. A experiência convida a conhecer e provar quatro estilos diferentes de vinho do Porto, em duetos perfeitos com chocolates e trufas, cuja combinação realça o melhor de cada um.    

A prova comentada irá permitir distinguir os aromas, texturas e sabores tanto dos vinhos como dos chocolates, identificando características como a complexidade, volume de boca e acidez.

Os vinhos em prova convidam a descobrir o universo da casa Taylor’s, com mais de três séculos de história, atravessando diferentes estilos de vinho do Porto, pelos quais a marca é apreciada em todo o mundo: Taylor’s Chip Dry, Taylor’s Late Bottled Vintage (LBV), Taylor’s Quinta de Vargellas Vintage 2012 e Taylor’s Tawny 10 Anos.

Esta experiência de prova (25€) tem início marcado para as 19h00, com duração aproximada de uma hora, e requer reserva antecipada sendo que a participação estará limitada a 20 pessoas.

Com uma localização privilegiada no bairro histórico de Alfama, vizinha do Chafariz d’El Rei, a Taylor’s Port em Lisboa pretende ser uma janela aberta para a história e tradição do vinho do Porto, disponibilizando uma das mais amplas coleções de vinhos da marca, para prova ou venda.

Morada: Rua Cais de Santarém 6-8, 1100-104 Lisboa Contactos para reservas: Telf.: 218 863 105 E-mail: ana.sofia@taylor.pt Horário: Todos os dias, das 11h00 às 19h30.

Website: Taylor’s Port em Lisboa

Quinta do Côtto, o ADN do Douro

A Quinta do Côtto, terroir de excelência da casa Montez Champalimaud, apresenta a nova colheita do seu vinho bandeira. O Quinta do Côtto Tinto 2016 renova o compromisso do produtor em reforçar a forte reputação da marca no mercado nacional. 

Quinta do Côtto Tinto 2016

Estendida na margem direita do Douro, na freguesia de Cidadelhe, junto a Mesão Frio, a Quinta do Côtto imprime em cada parcela a excelência de um terroir que dá nome aos emblemáticos vinhos da casa Montez Champalimaud. Hoje, já na quinta geração, e pelas mãos de Miguel Montez Champalimaud, filho, é lançada a nova colheita do Quinta do Côtto Tinto, o cartão de visita da propriedade

A Quinta do Côtto é o nome que o ouvido aprendeu a lembrar, não apenas pela sua longa vida, mas pelos vinhos a quem empresta o nome. A referência que introduz a filosofia da família Montez Champalimaud é desenhada a partir do sublime traçado dos 70 hectares de vinha da propriedade, que constam nos mais antigos documentos oficiais da região como fazendo parte do grupo das primeiras a serem plantadas no vale do Douro.

Quinta do Côtto Tinto 2016

O Quinta do Côtto Tinto 2016 é feito a partir de um blend perfeito de castas tradicionais da região. Depois da vinificação, é submetido a um estágio parcial (40%) em barricas de carvalho francês e português durante 12 meses, permanecendo o restante vinho (60%) em barricas de inox até ao lote final. Ao primeiro contacto, seduz pela sua cor rubi e explosão aromática a frutos silvestres, notas do bosque e subtis notas de especiaria.

No paladar revela-se elegante e equilibrado, com uma agradável estrutura, frescura e boa persistência, afirmando o seu perfil altamente gastronómico, sobretudo quando acompanhado por pratos da cozinha tradicional portuguesa. Pode também ser bebido “a solo” de imediato, sem comprometer todo o seu esplendor.

A nova edição do vinho que está a levar o nome da Quinta do Côtto a todo o mundo, conquistando uma fiel comunidade de consumidores em vários mercados internacionais, pode já ser encontrada nas principais superfícies comerciais do país e em garrafeiras.

Quinta do Côtto Tinto 2016 PVP: 8€

Website : Quinta do Côtto

“Meet the winemaker”: The Yeatman promove provas comentadas

Em ano de celebração do 10º aniversário, o hotel junta mais um evento vínico à sua programação, em provas intimistas que dão a conhecer e a provar os melhores vinhos nacionais. 

“Meet the Winemaker” é a mais recente novidade a juntar-se à agenda de eventos vínicos do The Yeatman, em Vila Nova de Gaia. O hotel vínico, que comemora dez anos desde a sua inauguração, abre as portas da sua premiada garrafeira para provas de vinhos comentadas, conduzidas por quem melhor os conhece, o seu produtor.

A decorrer aos sábados ao final da tarde, a proposta é de um momento descontraído e intimista, preenchido de histórias e acompanhado por uma seleção de queijos, enchidos e outros petiscos, que completam a experiência.  As provas poderão ser individuais – com apenas um parceiro vínico – ou em duetos – onde se juntam dois produtores.

A primeira está marcada para o dia 28 de março e junta Quinta das Bágeiras, produtor que representa a essência e carácter da Bairrada e Mapa, projeto de vinhos do Douro do conhecido e reputado crítico de vinhos, Pedro Garcias

No calendário do primeiro semestre há ainda encontro marcado com Herdade do Sobroso (4 de abril), Susana Esteban (18 de abril), Herdade da Malhadinha Nova (9 de maio), Lima Smith, com as marcas Quinta da Boavista e Covela (6 de junho), a dupla 100 Igual & Quinta de Santiago (20 de junho) e a Quinta do Ameal (27 de junho). A estas vão juntar-se outras datas, a serem divulgadas online.

Com capacidade para receber até 20 pessoas, a reserva é aconselhada através do site do The Yeatman Wine Club. A decorrer das 18h00 às 19h00, cada prova tem o valor de 25€ por participante, sendo, apenas no próprio dia, totalmente dedutível em compras de referências do produtor, de valor igual ou superior

Esta iniciativa junta-se à restante agenda de eventos vínicos do The Yeatman. Os jantares vínicos realizam-se todas as quintas-feiras, já desde 2010, e as Sunset Wine Parties e o Christmas Wine Experience marcam anualmente a agenda da cidade. 

Membro da reconhecida chancela Relais & Châteaux, o The Yeatman afirma-se como um embaixador dos vinhos nacionais, contando com a mais abrangente cave de vinhos portugueses do mundo. Hoje, são mais de 100 os produtores que se tornaram parceiros vínicos. Já o “Wine Book”, como é apelidada a carta de vinhos do hotel, apresenta mais de 1.300 referências, das quais 97% são vinhos nacionais

Recorde-se que, ainda no ano passado, o The Yeatman voltou a conquistar a crítica internacional, tendo vencido, pela primeira vez, a categoria geral de “Melhor Carta Regional de Vinhos do Mundo” e revalidado os prémios de “Melhor Carta Regional de Vinhos da Europa” e “Carta de Vinhos 3 Estrelas”, atribuídos pela publicação inglesa World of Fine Wine.

Próximas provas agendadas:

  • 28 de Março: Quinta de Bágeiras e Mapa
  • 4 de Abril: Herdade do Sobroso
  • 18 de Abril: Susana Esteban
  • 9 de Maio: Herdade da Malhadinha Nova
  • 6 Junho: Lima Smith, com as marcas Quinta da Boavista e Covela
  • 20 de Junho: 100 Igual & Quinta de Santiago
  • 27 de Junho: Quinta do Ameal

Contactos para reservas:

The Yeatman
Rua do Choupelo, (Santa Marinha), Vila Nova de Gaia.
Tel.: 220 133 100 Email: reservations@theyeatman.com

Website: The Yeatman Wine Club

Vinhos do ‘Tejo a Copo’ em Santarém


Vinhos do ‘Tejo a Copo’ em Santarém

Certamente que já ouviu a expressão “em equipa que ganha, não se mexe”?! A Comissão Vitivinícola Regional do Tejo (CVR Tejo) vai mais longe e aplica-o não só à equipa, mas à realização do evento ‘Tejo a Copo’. Depois do sucesso da edição de 2019, é tempo de anunciar a data deste ano: Sábado, dia 07 de Março, das 15h00 às 21h00, no Convento de São Francisco, em Santarém.

Uma excelente oportunidade para entusiastas vínicos e enófilos contactarem de perto com alguns dos melhores ‘Vinhos do Tejo’ e com quem os produz. “Em casa”, são os produtores e os enólogos que dão a cara pelos vinhos em prova, alguns deles em pré-lançamento ou em estreia.

Foi estratégia da CVR Tejo realizar este evento no Ribatejo, a fim de promover os ‘Vinhos do Tejo’ e a sua gastronomia, mas também o vasto património territorial e cultural da região. Se os vinhos e a comida são facilmente transportáveis para outras paragens, como as grandes capitais de Portugal e do Mundo, o seu habitat (que é história e criar estórias) nem tanto! E é este um factor cada vez mais importantes e decisivo na eleição de um vinho.

Composta por 20 produtores, a lista de presenças do ‘Tejo a Copo 2020’ (*) já é conhecida. Em breve, vão ser anunciados nas páginas de Facebook e Instagram Vinhos do Tejo. No que toca a petiscos, a autoria dos deste ano cabe aos scalabitanos Tascá e Pigalle, restaurantes que vão estar representados no evento. Na edição deste ano, a prova comentada vai dar lugar a três ‘Conversas Vínicas’, mais intimistas e informais, com 4 vinhos cada e sob a batuta do sommelier Rodolfo Tristão, consultor da CVR Tejo. São gratuitas e de inscrição no local.

A entrada no ‘Tejo a Copo’ é livre, mas quem quiser provar os vinhos do evento tem que adquirir o copo do evento, disponível por €3,00. Os petiscos têm um custo unitário de €3,50.

(*) Lista de produtores presentes no ‘Tejo a Copo 2020’

  1. Adega de Almeirim
  2. Adega do Cartaxo
  3. Casa Cadaval
  4. Casal da Coelheira
  5. Casal das Freiras
  6. Casa Paciência
  7. Casa Romana Vini
  8. Companhia das Lezírias
  9. Enoport Wines
  10. Escaravelho Wines
  11. Falua
  12. Fiuza
  13. Parras Wines
  14. Quinta da Alorna
  15. Quinta da Atela
  16. Quinta da Badula
  17. Quinta da Lagoalva
  18. Quinta da Lapa
  19. Quinta da Ribeirinha
  20. Vinhos Zé da Leonor

TEJO A COPO 2020 Data: Sábado, dia 07 Março de 2020

Horário: Das 15h00 às 21h00

Local: Convento de São Francisco, Santarém

Morada: Rua 31 de Janeiro, 2025-579 Santarém

Bilhetes: Entrada livre

Preço do copo de prova: €3,00

Preço de petisco (unidade): €3,50

Conversas vínicas: gratuitas; inscrição obrigatória, no local.

Hotel Conrad Algarve

O Hotel

Website: Hotel Conrad Algarve

Restaurante Louro

Website: Restaurante Louro

Restaurante Emprata

Menu de São Valentim

Site : Restaurante Emprata

António Guerreiro Vinho Bairrada DOC

O Guerreiro que irá conquistar Portugal e o Mundo

Nos solos da região vínica da Bairrada crescem as uvas que dão vida às três referências da nova marca António Guerreiro, desenvolvida pelo somellier português António Guerreiro, em parceria com Sidnei Gonzalez, criador do Restaurante Zazah. Nesta região de terras planas, a produção é feita mediante um clima favorável e dá origem a vinhos repletos de personalidade, uma característica inerente aos novos vinhos da Bairrada DOC.

Numa gama repleta de sabor destaca-se o Espumante Bruto Guerreiro 2017, composto por 60% de Baga e 40% de Arinto, é um espumante moderno e leve, com acidez controlada e muito fresco. Já o Branco Guerreiro 2018 é marcado por aromas controlados, com uma coloração alegre e fácil de beber, podendo acompanhar pratos do mar e até mesmo algumas carnes mais leves, geralmente apreciadas com vinhos tinto. Completando esta trilogia surge o Tinto Guerreiro 2017 que se revela delicado, com uma leveza assinalável e um excelente equilíbrio entre a acidez e o tanino.

Há muito que o caminho de António Guerreiro está entrelaçado com o vinho. Ao longo dos últimos anos, tem vindo a explorar a história dos vinhos de diferentes terroirs, escolhendo agora a Bairrada para desenvolver o seu projeto pessoal, região pela qual nutre um sentimento especial. Mas a particularidade desta iniciativa está na parceria do somellier António Guerreiro com Sidnei Gonzalez, apaixonado por vinho e pelos prazeres da capital e do país.

“Esta união surge de uma identidade forte que tem por base a história e a experiência de António Guerreiro, representada pelo “g” de Guerreiro”, refere Sidnei Gonzalez. “Este vinho tem potencial para vingar em Portugal e para ultrapassar fronteiras e ser apreciado noutros locais de excelência a nível internacional”, reforça António Guerreiro.

O vinho António Guerreiro Bairrada DOC estará em destaque no restaurante Zazah, localizado no Príncipe Real, o espaço cosmopolita, que acredita que, como os bons momentos, a gastronomía harmonizada com um bom vinho deve ser partilhada entre amigos. À filosofia do espaço, onde tudo é pensado ao pormenor para que quem o visita se sinta em casa, junta-se agora esta referência portuguesa que também pretende fazer da partilha uma regra.

Site: Restaurante Zazah

%d bloggers like this: